Brasil quer o dinheiro da China, mas não para vacina

Brasil quer o dinheiro da China, mas não para vacina

Na Bloomberg e por agências como Reuters e Xinhua, além de diversos jornais do México à Argentina, `China fornece US$ 1 bilhão de crédito para o acesso a vacinas na América Latina`.

Foi em videoconferência `copresidída` pelos chanceleres mexicano, Marcelo Ebrard, e chinês, Wang Yi e com váriosoutros ministros, de pai sescomo Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Peru e Uruguai. `A vacina tem que estar acessível a todos`, disse o argentino Felipe Solá à agência Telám após a reunião.

`Estava ausente o Brasil, o mais afetado na região`, anotou a Bloomberg. `O gabinete de Jaú Bolsonaro e os ministérios das Relações Exteriores e da Saúde do país não responderam aos pedidos de comentário.` Dois dias antes, por agências como Reuters, Xinhua e Sputník, `Banco Brícs empresta US$ 1 bilhão ao Brasil para amenizar cho que econômico da Covid`. Maisprecisamente, para `assegurar uma robusta resposta fiscal`. No caso, com o Brasil presente. A instituição sediada em Xangai, cujo nome formal é Novo Banco de Desenvolvimento (NDB), passou a ser comandadahá duas semanas por Marcos Troyjo, indicado pelo ministro Paulo Guedes.

Será o presidente pelos próximos cinco anos. china & asean No financeiro Caixin, `Empresas chinesas se voltam para os países da Asean`. Na primeira metade do ano, o investimento que fizeram em companhias de Indonésia,Tailândia, Mianmar, Vietnã e outros da Asso ciaçãodasNaçõesdo Sudeste Asiático {Asean) cresceu53%, para US$ 6,li bilhão.

Contrasta comEUAe outros, em queda `devido à lenta recuperação pós-pandemia e à atitude mais cautelosa` que adotaram frente às fusões e aquisições chinesas. além da china Na nova edição da britânica The Econo mist, `A busca pelas origens do Sars-CoVi -1 vai olhar além da China`. Logo abaixo, `Vírus pode ter nascido no Sudeste Asiático`. Cita países como Mianmar, Laos e Vietnã, especialmente este ultimo, e ouve de especialistas que `o Sars-CoV-2 ou algo semelhante circula, provavelmente há muitos anos`, nos morcegos da região.

www.prensa.cancilleria.gob.ar es un sitio web oficial del Gobierno Argentino