Anvisa tem página hackeada com bandeira da Argentina

Anvisa tem página hackeada com bandeira da Argentina

16:44 - Ao clicar na página (formulario.anvisa.gov.br), aparece a seguinte frase: "não ficamos de quarenta (sic) para passear pelos seus servidores. vamos ser expulsos também?"

Uma página do site da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) que consta o formulário DSV (Declaração de Saúde do Viajante), de preenchimento obrigatório para as pessoas que pretendem entrar no Brasil, foi hackeado nesta quarta (8).

O formulário é de preenchimento obrigatório para todos, brasileiros ou não, quem pretendem ingressar no país. Nele, os viajantes respondem perguntas relacionadas à saúde.

Ao clicar na página (formulario.anvisa.gov.br), aparece uma bandeira da Argentina com a seguinte frase: "não ficamos de quarenta (sic) para passear pelos seus servidores. vamos ser expulsos também?".

A Anvisa tirou a página do ar após contato da reportagem.

O incidente poder ser associado à decisão da Anvisa de interromper jogo de futebol pelas Eliminatórias da Copa do Mundo no último domingo (5) entre Brasil e Argentina.

À reportagem, a Anvisa afirma que irá acionar a Polícia Federal.

O duelo foi interrompido aos 6 minutos do primeiro tempo, depois que agentes da Anvisa entraram em campo para ordenar a retirada de quatro atletas argentinos que teriam descumprido normas sanitárias de quarentena ao entrarem no país.

Segundo a agência, os quatro atletas deram informações falsas e ocultaram que estiveram no Reino Unido nos últimos 14 dias. Por regras sanitárias de enfrentamento da Covid, eles não poderiam ter entrado no Brasil, para evitar a disseminação de variantes do novo coronavírus.

A Anvisa diz que publicará, ainda nesta quarta (8), instruções para quem precisa do formulário para viajar.

www.prensa.cancilleria.gob.ar es un sitio web oficial del Gobierno Argentino